1. Engenharia Agronômica

O curso de Engenharia Agronômica do CCA – Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) foi criado em 1993 e está localizado no campus de Araras-SP.

O setor agropecuário desempenha um importante papel na economia e no desenvolvimento do Brasil e os engenheiros agrônomos exercem um papel relevante nesse cenário. O mercado de trabalho valoriza cada vez mais engenheiros agrônomos com formação cultural ampla, engajados com os preceitos de uma produção sustentável e com capacidade de resolver problemas, integrar e produzir novos conhecimentos, gerenciar e trabalhar em equipe, comunicar-se com facilidade e tomar decisões. Assim, o curso de Engenharia Agronômica do CCA-UFSCar objetiva formar profissionais com conhecimento técnico-científico consistente e aptos a estudar, planejar e aplicar tecnologias para o aprimoramento da produção agropecuária e a promoção do desenvolvimento rural sustentável e, principalmente, que venha pautar as suas atividades profissionais nos princípios de respeito à fauna e à flora; na conservação e/ou recuperação da qualidade do solo, do ar e da água; no uso racional integrado e sustentável do ambiente; no emprego do raciocínio reflexivo, crítico e criativo e no atendimento das expectativas técnicas, humanas e sociais.

Os alunos do curso de Engenharia Agronômica da UFSCar-Araras têm, além das disciplinas teóricas e as práticas de laboratório, indispensáveis à boa formação profissional, a possibilidade de participar de diversas atividades de campo, muitas destas desenvolvidas no próprio campus, uma antiga fazenda de 230 hectares no qual docentes da Engenharia Agronômica desenvolvem projetos de ensino, pesquisa e extensão em vários setores das ciências agrárias.

Área de atuação do Engenheiro Agrônomo:

São áreas de atuação do Engenheiro Agrônomo: manejo de culturas agrícolas; melhoramento genético vegetal e animal; produção de sementes e mudas; construções rurais; irrigação e drenagem; mecanização e implementos agrícolas; sensoriamento remoto para fins agrícolas; paisagismo, parques e jardins; recursos florestais; manejo de plantas daninhas, doenças e pragas de plantas; manejo, classificação e conservação do solo, de bacias hidrográficas e de recursos naturais renováveis; controle de poluição na agricultura; tecnologia e conservação de produtos de origem vegetal e animal; nutrição e alimentação animal; economia, planejamento e administração de propriedades agrícolas; e extensão rural.

 

x